Lonely, de Justin Bieber: O outro lado da história

By Carol Filisberto - terça-feira, janeiro 19, 2021

Em 2007, aos 13 anos, os covers de Justin Bieber foram vistos pelo agente de talentos, Scooter Braun, e aos 15 anos, Bieber começou a sua carreira com o lançamento do álbum My World, formando milhares de fãs ao redor do mundo.
Durante muitos anos, o cantor entrou em polêmicas e foi muito criticado pelas pessoas e pela mídia. Sim, ele fez muita besteira quando era um adolescente e, repentinamente com seu sucesso, ele se tornou um influenciador de outras pessoas da mesma idade que a dele e era observado o tempo todo.

Lonely Justin Bieber

Nunca fui fã do Justin Bieber, mas ele era um cantor que estava em alta com seus lançamentos e era sempre comentado na mídia, então foi meio difícil não acompanhar sua trajetória e não criticar algumas atitudes.
Não nego ou apoio às ações e atitudes negativas que ele tomou, mas em 2020 ele lançou a música Lonely e lembro que eu senti que precisava falar sobre essa música aqui no Arteculando, então aqui estou.

Para quem não a ouviu, segue o vídeo, protagonizado pelo ator Jacob Tremblay (O quarto de Jack, Extraordinário):


Everybody knows my name now
But something 'bout it still feels strange
Like looking in the mirror
Tryna steady yourself and seeing somebody else
[Todo mundo sabe meu nome agora
Mas algo sobre isso ainda parece estranho
Como se olhar no espelho
Tentar se firmar a si mesmo e ver outra pessoa]

A adolescência é uma fase em que estamos começando a nos desvincular com o que nossa família/pessoas próximas falam sobre nós e começamos a ter as dúvidas de nossa própria identidade - quem realmente somos? Eu sou como os meus responsáveis ou pessoas próximas falam sobre mim? - e começamos a questionar as verdades faladas até o momento. A pré-adolescência (dos 10 aos 14 anos) é uma fase delicada e que mexe muito com as pessoas, porque é onde ocorre a transição da infância com o início da adolescência, então tem muita coisa nova para lidar e aprender com essas mudanças.
Imagina ter que passar por tudo isso em meio a todos os holofotes? Ser observado pelas pessoas do mundo todo? Ter que aprender a lidar com a fama (e tudo o que a envolve: dinheiro, pessoas, mídia, fãs, ser uma influência aos outros) ainda sem saber direito quem você é. É o sonho de muitos, mas há grandes consequências de privacidade e pressões, não é tão simples assim...

Everybody knows my past now
Like my house was always made of glass
And maybe that's the price you pay
For the money and fame at an early age
And everybody saw me sick
And it felt like no one gave a shit
They criticized the things I did
As an idiot kid
[Todo mundo conhece meu passado agora
Como se minha casa sempre fosse feita de vidro
E talvez esse seja o preço que você paga
Pelo dinheiro e pela fama desde cedo
E todo mundo me viu doente
E parecia que ninguém se importava
Eles criticaram as coisas que eu fiz
Quando era uma criança idiota]

Esse foi um trecho que me pegou muito quando eu o ouvi (a música inteira me emocionou, na verdade).
O tempo todo Justin estava sendo observado, sem a privacidade de fazer as coisas, porque é preciso estar na mídia para continuar crescendo nesse mercado. Então nós vimos muita coisa, boas e ruins. Ser exposto pode gerar doenças por conta da ansiedade e da pressão em ser avaliado o tempo todo, quantos famosos não passam por isso? Imagina aqueles que começaram muito jovens (temos vários exemplos, como o Justin, Demi Lovato, Miley Cyrus, Lindsay Lohan)?
Nós estamos sempre criticando os outros, mas se fosse você no lugar dele - um jovem de 13/15 anos ter se tornado famoso tão rápido, além de todas as questões que ele já vivia, principalmente questões familiares -, como será que você viveria?
Além disso, o quanto você não aprendeu desde a sua pré-adolescência? O quanto você viveu e passou por coisas boas e ruins nessa fase? Estamos sempre crescendo, errando e aprendendo, todos nós, sem nenhuma exceção. É por isso que é preciso olhar as pessoas além do julgamento, olhar com respeito e amor, porque não sabemos de tudo e nunca saberemos. Está tudo bem errar ou se questionar, faz parte da vida (mas isso não quer dizer passar pano tá? É preciso aceitar as consequências do erro e das suas escolhas. O que temos que questionar é o quanto julgamos o erro do outro, e que muitas vezes, pode ser um erro que você já cometeu).

What if you had it all but nobody to call?
Maybe then you'd know me
[E se você tivesse tudo, mas ninguém para ligar?
Talvez então você me conheceria]

Acreditamos que Justin Bieber tinha tudo - fama, dinheiro, amigo de famosos -, mas não sabemos o que ele passava de verdade, o que ele sentia com tudo isso. Na música, Bieber nos mostrou o quão solitário ele se sentiu em toda essa fase (assim como no clipe, porque ele estava em um camarim gigante que é uma loucura no período do show e ele estava nos palcos de um grande teatro, mas ele se via sozinho).
Justin Bieber errou e teve atitudes negativas sim, mas não sabemos tudo o que ele viveu ou o que se passa dentro dele. Assim como qualquer outra pessoa, então, por favor, vamos tentar amar, respeitar e se questionar o quanto estamos julgando os outros, porque as pessoas e a vida não são simples como parecem ser.

O que vocês acharam sobre a música e sobre toda essa questão do julgamento referente ao Justin Bieber? Comenta aqui embaixo e me siga nas redes sociais para conversamos mais!

Créditos da tradução: Site Vagalume

  • Share:

You Might Also Like

0 Comments